logo
Português (pt-PT)English (United Kingdom)
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
  • An Image Slideshow
MUSEUM
COLLECTIONS
EXHIBITIONS
SERVICES AND ACTIVITIES
SHOP
WHAT’S NEW?
INFORMATION

Autenticação

Partilhar

Facebook Image

 Google Arts & Culture

.:: O Som da Pintura PDF Print E-mail
Casa dos Patudos, Alpiarça, de 10 de Julho a 15 de Agosto 2021

O Som da Pintura Exposição temporária que conta com seis instrumentos da coleção do Museu Nacional da Música e um momento musical com instrumentos históricos. Patente na Casa dos Patudos, Alpiarça, de terça-feira a domingo, 10:00 h - 12:30 h e 14:00 h - 17:30 h. Entrada livre.

 

Em redor da tela de Bartolomeo Bettera (1639-1699), uma reflexão sobre o protagonismo dos instrumentos musicais na obra de arte. Retratados sempre em relação aos executantes, estes objetos vão revestir-se de imponderáveis solenidade e poder simbólico no norte de Itália em meados do século XVII; a partir daí, a evolução será rápida, cavalgando já a onda barroca, juntando uma forte consciência decorativa aos seus valores sinestésicos e evocativos.

 

Disto mesmo nos fala o quadro em exposição, em diálogo com seis instrumentos históricos, pertencentes ao acervo do Museu Nacional da Música: diante dos nossos olhos maravilhados, tal como se apresentaram defronte ao artista, um alaúde, um chitarrone, um violino e um violoncelo, uma charamela e uma viola barroca, extrapolam a bidimensionalidade pictórica e permitem-nos dar um salto no tempo.

 

Na casa que pertenceu ao melómano José Relvas – que nutria, porém, grandes dúvidas acerca do intrínseco valor artístico dos instrumentos musicais – tal reflexão ganha nova acuidade. Assinada e inscrita - «Bar- tolomeo Bettera / f(ecit) in Bergamo» - a única tela do mestre bergamasco documentada em Portugal, propriedade da Fundação Gaudium Magnum - Maria e João Cortez de Lobão, poderá ser visitada na Casa dos Patudos – Museu de Alpiarça até 15 de agosto.

 

Esta iniciativa, inserida no âmbito do Festival Entre Quintas, conta na sua inauguração, a 10 de Julho (17:00 h), com um momento musical barroco, com peças de Antonio Vivaldi (1678-1741), Domenico Scarlatti (1685-1757) e Carlos Seixas (1704-1742) interpretadas por Nuno Cardoso, violoncelo e Lígia Vareiro, violino.

 

Curadoria:
Graça Mendes Pinto, Diretora do Museu Nacional da Música
Nuno Prates, Conservador da Casa dos Patudos - Museu de Alpiarça

 

Galeria de Exposições da Casa dos Patudos – Museu de Alpiarça
Rua José Relvas - 2090-102 Alpiarça